O Mal noturno

Gaivotas não voam durante a noite...
Morcegos não saem durante o dia...
Pura manifestação de alegria,
seria ter visto apenas flores no meu jardim!!

Vi coisas difíceis de se engolir.
Em uma dessa noites, acompanhei
o frio vôo dos morcegos,
a devorar suas vítimas...

As gaivotas que ainda restam,
lutavam para impedir que os morcegos,
engolissem suas presas.

Os morcegos estavam coordenados em seu ataque.
As gaivotas gruniam tentando avisar suas vítimas.
Mas as vítimas estavam indefesas...

Não são paradoxos...

Há Neves que não são nem brancas nem puras,
apenas frias e oportunistas...

A Noite era a votação do Salário Mínimo,
na madrugada de Quarta Feira,
transmitida ao vivo pela TV Senado

As gaivotas eram os honestos,
Que tentavam evocar a "dignidade de representante",
dos políticos que ainda o querem ser...

Os morcegos eram os desvairados corrompidos,
que blasfemavam questões de ordem,
e usavam sua astúcia para forjar um resultado...

Para saber quem é quem,
basta dizer que os morcegos acabaram
por ganhar e devorar suas vítimas...

Quem eram suas vítimas??
O Povo que já tão pouca esperança tem,
e principalmente as consciências assassinadas em suicídio,
daqueles que ainda conseguem fazer,
aquilo que sabem que não é justo...

O Pai, tenha piedade deles,
Pois eles não sabem o que fazem...